Saiba Como Evitar Cagar em um Festival

Os banheiros químicos dos festivais são uma nojeira, mas criar o seu próprio buttplug pode ser ainda pior.

|
ago 13 2014, 7:35pm

Desde que o mundo é mundo nós, seres humanos, quando vamos à algum lugar para curtir um som precisamos também enfrentar o maior de todos os inimigos: não cagar em um lugar público. Festivais podem ser lugares bonitos, mas seus banheiros são sempre diabólicos. Ainda mais quando seu cólon dá sinais de vida, não importa quem você é ou quão organizado estava antes de sair de casa. Nessa hora, meu amigo, não há como escapar do calor inquietante e do mau cheiro que emana desses lugares do mal e sem alma. Eventualmente isso vai acontecer, ainda mais depois de uma combinação entre drogas, cerveja, comida de rua e muita jogação.

Mas e se a merda pudesse ser domesticada? Tudo bem que nossos ancestrais davam uma cagada em qualquer lugar, mas entre perder a dignidade e a nossa incapacidade de não resistir a um cachorro-quente de Kombi, esse negócio de ficar de cócoras e mandar ver deixou de ser normal há alguns séculos. Ou seria isso o próximo passo para nossa evolução? O certo é que o tempo que passamos no trono ganhou status de um ritual sagrado. E como já estamos em 2014, aqui está o nosso guia para lutar contra o desejo mais natural do seu corpo, compactando seu intestino, segurando-se como você nunca se segurou antes.

CONSTIPAÇÂO É A META

A vida é uma eterna luta entre a constipação e a diarreia. Você vai gastar 99% de sua existência procurando um intermédio entre os dois - exceto por agora. Evitando as indignidades de um banheiro químico, tudo depende de você conseguir se manter livre o suficiente para não cagar e, claro, evitar diarreias.

Quando você atinge a maturidade, já deve saber o básico para não ter uma caganeira: não deixe alimentos sob o sol, evitar leite, e, basicamente, não coma nada que é muito gostoso. A constipação é mais complicada. Chamamos vários gastroenterologistas para termos uma opinião médica sobre segurar as pontas. Não foi surpreendente que todos eles se recusaram a falar com a gente. Quando finalmente conseguimos um médico para explicar como refrear o amante tempestuoso que é o seu intestino grosso, porém, ele nos pediu para que seu nome não fosse revelado.

"Tudo o que seu corpo quer fazer é cagar. Porra, ele ama isso", diz o Dr. Shitvago. "Os movimentos intestinais não querem apenas expelir os resíduos de alimentos, eles também querem se livrar das células velhas e trabalhar no revestimento intestinal". Decidimos desaprovar essa lúcida explicação em nossa tese até chegar ao ponto em que queríamos: "Em uma pessoa saudável, a constipação é geralmente causada pela dieta e estresse". Ok, você está quase vomitando enquanto lê essa matéria. Com isso em mente, aprenda: na guerra contra as entranhas, sua principal arma é a comida.

CAGAR = COMIDA x TEMPO

Tente comer o mínimo possível. Considerando que você provavelmente estará suando MDMA, isso não será um problema. Se você tem que comer algo, fique longe dos laticínios, dos alimentos que são ricos em fibras (praticamente todas as frutas e legumes) e faça o que chamam de "dieta de baixo resíduo". Para pacientes com obstrução intestinal parcial, os médicos aconselham tomar bebidas à base de cafeína (Coca-Cola e café). Considerando que você tem vergonha, medo de feder e está num festival em que todos estão cagando no mesmo banheiro, isso deve funcionar. Esbanje-se comendo pães, cereais, massas, purê de batata, bananas, ovos, picadinho e picolés de fruta. Isso irá mantê-lo vivo, produzindo o mínimo de desperdício. Resumindo, coma como o bebê adulto e depressivo que você é.

A AMEAÇA QUE É DAR AQUELA ALIVIADA PELA MANHÃ

Curtir com poucos alimentos não é muito difícil. Difícil mesmo é controlar a ingestão de água. Dr. Shitvago diz que a hidratação é responsável pela "formação fecal mole", e faz seu intestino lutar até você se cagar nas calças. A desvantagem de limitar a ingestão de água é que você correrá o risco de ficar desidratado. Nós recomendamos que você beba o quanto de água for necessário, mas evite bebidas com cafeína. A cafeína estimula o intestino e reduz o tempo de absorção dos alimentos. Isso significa que quando você enche a cara de café, seu intestino grosso tem menos tempo para absorver água. Por isso, faça o que fizer, não beba café.

Segunda leva de más notícias: depois do café, o melhor amigo do cocô é a cerveja. O corpo vê o álcool como um veneno e fará qualquer coisa para colocá-lo para fora, além de toda a mijadeira. A cerveja, inclusive, é bem trapaceira. As cervejas que contêm menos porcentagem de álcool levam você a beber mais criando ainda mais fluídos em seu corpo. As cervejas também têm muita fibra solúvel, já que a maioria é feita de cevada ou trigo - o que não é muito diferente que tomar seis frascos de Metamucil. Ou seja, a presença de fermento na cerveja também tem efeito laxativo.

Com café e cerveja fora do menu, você terá que encontrar uma nova alternativa. Embora álcool em geral possa interferir na flora, a codeína tem efeito mais ameno.

DROGUE O FURICO

Assim como o café, anfetaminas também favorecem uma bela cagada, então deixe as pílulas de lado. Se você tem que tomar drogas, sua melhor opção são os opiáceos. Fato é que tomar codeína te deixa bem seguro quanto a isso. Se você está seriamente apertando o pause do seu sistema digestivo, por que não misturar alguma codeína com xarope para tosse? Mas não faça isso, até porque você não querer dar uma de Pimp C e morrer dormindo depois de encher o tóba de codeína.

ABORDAGEM HOLÍSTICA

Se o conselho acima lhe parece um pouco mundano e você está procurando um approach mais holístico, por que não tentar utilizar algumas de suas armas naturais? Como falamos antes, stress e constipação andam de mãos dadas. De um ponto de vista evolutivo, os humanos precisam se sentir seguros. Pense nos seus ancestrais curtindo nas cavernas, eles não iriam cagar atrás de um arbusto sabendo que podia ter algo que os ameaçassem. Milhares de anos mais tarde, você ainda não consegue ir ao banheiro se alguém tocar sua campainha.

Tente focar no quanto está se sentindo desconfortável, o quão longe está de um hospital, todas as pessoas que estão falando de você pelas suas costas ou que lá no fundo seus pais estão desapontados com você e que estariam aproveitando muito mais seu dinheiro da aposentadoria se você não tivesse nascido.

Se você ainda sentir a necessidade de ir ao banheiro, ignore-a. Quando você resiste à vontade de carimbar o vaso, seu cólon continua a absorver água, endurecendo a merda, daí fica mais difícil cagar. Criar seu próprio buttplug não é o melhor caso, porém é efetivo. Avisamos que, se ficar segurando sua merda por muito tempo você pode ficar confuso e delirar. O pior cenário é o citado acima ou a impactação fecal formando um cocô de pedra em seu reto. Se isso acontecer, você pode esperar uma diarreia de arrebentar ou incontinência, que leva à derrota de todo esse esforço.

Observação: obstipação severa pode levar à obstrução do intestino podendo causar ruptura, que é super grave e chato.

A DOCE LIBERTAÇÃO

Vamos avançar uns dias. Você e seu cu já sobreviveram ao festival imaculado e é hora de colocar as coisas em movimento novamente. Tenha cuidado, pode sair como uma rajada de fogo. Ou você pode ser presenteado com hemorroidas. Em vez disso, apenas volte a comer aos poucos todas as coisas que evitou durante toda a semana. Cerveja e café são os tratamentos mais populares, mas manter uma boa hidratação, exercícios e laxantes suaves também pode ajudar. Em circunstâncias extremas, pode ser necessário uma desimpactação manual.

Se você está pensando que a desimpactação manual precisa de treino ou uma ajuda médica, coloque luvas e manualmente remova o buttplug do reto. Quando perguntamos ao nosso médico anônimo como ele faria isso, ele nos respondeu: "Eu seria bem cuidadoso com os dedos".

Então, se você está pronto para lidar com náuseas, diarreias, cólicas, inchaços, incontinência, hemorroidas, desimpactação fecal, intestinos dilatados e a mão de um estranho em seu ânus, beleza, é possível curtir o festival sem cagar. Apesar disso parecer normal, provavelmente você terá problemas maiores que cagar em um banheiro químico.

Siga a Wendy no Twitter: @WendyWends

Tradução: Jules Sposito